Ferreira de Aves Medieval: identidade e Memória (séculos Xii-Xv)
Caleidoscópio

Ferreira de Aves Medieval: identidade e Memória (séculos Xii-Xv)

Preço normal €20,00 Preço de saldo €21,20 Preço unitário por
Imposto incluído. Envio calculado na finalização da compra.
Autora: Adelina Silva Morais
Edição: 05/2022  
Formato: 170 x 240 mm 
Páginas: 298, il. p/b e cor  
Tipo capa: brochada
Editor: Caleidoscópio 
ISBN: 978-989-658-754-3

Sinopse

A partir do território de Ferreira de Aves a autora apresenta-nos um estudo diacrónico, de história nacional, utilizando com rigor um vasto conjunto de fontes manuscritas, algumas delas inéditas, mas também outra documentação.
O enfoque da autora recai, sobretudo, nas famílias da mais alta nobreza, todas elas ligadas ou muito próximas das coroas portuguesa e castelhana, que detiveram aquele senhorio durante a Idade Média.
O livro desvenda ainda os contornos da trama e desfecho que resultou na morte de Inês de Castro. Revela estratégias de casamento usadas pelas famílias nobres para reforçarem o seu prestígio. Traz à luz o papel e o poder simbólico da mulher medieval. Mostra que três senhoras receberam, como herança, aquele território.
Finalmente, fala-nos do grupo mais numeroso, heterogéneo e esquecido, o povo.

Sobre a Autora

Nasceu em Alhais, Vila Nova de Paiva, em 1953.
Fez todo o seu percurso académico superior na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. É licenciada em Estudos Gerais, com major em Literatura e Cultura Portuguesa. Fez uma Pós Graduação em História e Género e é Mestre em História na especialidade de História Medieval.
Participou em co-autoria no livro Doze por Sete, com o texto intitulado “Diz lá o meu nome”, publicado na Bibliotrónica
Portuguesa, do Centro de Linguística da Universidade de Lisboa (CLUL), 2016, em que são incluídas sete ilustrações e 12 narrativas de vários autores. Possui artigos publicados nas revistas: CCS – Centro para a Cooperação e Desenvolvimento (2006), Tradição Lusitana (2017), Plural-Idades, USAZ – Associação Cultural de Azeitão (2017), (2018), (2019).